Valeu, mãe!

Dia das mães é um dia importante para fazer homenagens. Seja pela mãe que você teve, pela mãe que você é ou pela mãe que um dia quer ser.

Hoje entendo e respeito muito mais o sentimento que eu tenho pela minha mãe. Talvez por morar longe e por não conflitar mais com as diferenças e semelhanças, a gente consiga se dar bem melhor do que nos últimos 24 anos.


Imagem: Shutterstock

Sou grata pela pessoa que sou hoje e por ter tido uma mãe me influenciando em todos os dias da minha vida, na minha formação. Mas, acredito que só saberei o que é ser mãe quando for uma.

Por isso, chamei minhas amigas mães aqui para contar um pouco o que é ser mãe, já que há algum tempo cada uma delas vive esse sentimento diariamente.

Amanda e Giovanni – “Ser mãe é ter um universo compartilhado. É ser um dividido em dois corpos. É olhar em outros olhos e se ver. É aprender a ser uma e a ser mil, chorar e rir ao mesmo tempo. É criar um universo mágico apenas para ver brotar um sorriso. É um elo eterno, um dom de Deus”.

Ana Paula e Sofia – “Ser mãe é ter sua vida completamente bagunçada com a chegada de um pequeno ser que é totalmente dependente de você e por maior que seja a responsabilidade, você tem a certeza que não existe nada mais gratificante no mundo, que nada é mais bonito, nada é mais intenso, nada é mais prazeroso do que ser mãe. Ser mãe, para mim, é forma mais pura do amor verdadeiro, é sensação mais doce e com certeza a melhor coisa do mundo”.

Camila, Rafaele, Gabriele e Matheus – “Ser mãe é aprender o verdadeiro significado da palavra amor, é amar sem esperar nada em troca, é ter o prazer de gerar uma nova vida dentro de si, é ter por alguns meses dois corações batendo e sentir crescendo um amor inconfundível. Ser mãe é acarinhar, aconselhar, escutar e compreender. É ter a alegria de olhar o rostinho do seu filho e ver traços de dois DNAs diferentes. É ter a capacidade de ouvir o silêncio e adivinhar sentimentos. Para mim ser mãe é um grande Dom de Deus”.

Fernanda e Samuel – “Ser mãe é viver em constante alegria, é viver com grandes emoções, é rir, é brigar e é abraçar. É viver com o coração fora do peito, nunca mais andar sozinha e ter um parceiro a vida inteira”.

Patrícia, Clarice e Gabriel – “Ser mãe é algo maravilhoso, um sonho realizado. Ser mãe é viver intensamente a cada segundo, é sentir um amor que chega a doer de tão grandioso que é. Eu amo ser mãe, não existe nada melhor na vida de uma mulher. Amo cada sorriso dos meus bebês, cada palavra, suas “artes”, seus brinquedos espalhados…. E quando eles dizem ” mamãe eu te amo!”, aí eu não aguento, me derreto toda. Ser mãe é esquecer de tudo, esquecer dos incômodos da gestação, das dores e dos quilinhos a mais. É esquecer de nós mesmas. Amo ser mãe!”

Lindos, não é? ♥

Essa semana  li um artigo (esse aqui) da Ruth Manus, colunista do Estadão, que fala o que é estar do outro lado, ser o filho e ser grato. Gostei principalmente dessa parte:

Mãe, eu parei de depender da sua barriga, parei de depender do seu peito, parei de depender das mamadeiras quentinhas, parei de depender da ajuda no banho, parei de depender da sua carona.
(…) Hoje eu não preciso, mãe. Você já me ensinou a amarrar os sapatos, andar olhando pra frente, levantar das quedas, limpar as lágrimas, rir de mim mesmo e seguir em frente. Mais do que me ensinar, você foi o exemplo vivo disso…”

E só tenho a dizer… Valeu, mãe. Valeu, mães dedicadas a criar bons cidadãos para o mundo e dar amor sem esperar nada em troca.

Feliz dia das mães! 🙂

Anúncios

Um comentário sobre “Valeu, mãe!

Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s